Eduard Henry

Eduard Henry

domingo, 22 de março de 2009

6) Mutley –Corrida Maluca





Você lembra do Mutley? Aquele cachorro co-piloto de Dick Vigarista da Corrida Maluca, que só pensava em medalha? Toda hora, a cada feito, só sabia dizer com uma voz rouca: “Medalha! Medalha! Medalha!”
A Corrida Maluca foi talvez um dos desenhos mais superpopulosos da época: mais de vinte competidores – entre homens, uma mulher, bichos e alguns seres esquisitos – espalhados em onze carros, que corriam por várias trilhas, estradas, caminhos. Alguns personagens eram mais populares, faziam mais sucesso que os outros. Ao lembrar do desenho, qual deles é inesquecível? Penélope Charmosa? Dick Vigarista? Quadrilha de Morte? Hehehehehe…
Mutley, é certo! Nos desenhos animados, o cachorro com a risada mais difícil de ser imitada.
O enredo do desenho era sempre o mesmo: quem chega primeiro à linha de chegada. Praticamente não havia regra nenhuma, um carro comum podia correr ao lado de um avião, Dick Vigarista sempre livre para fazer o que bem entendesse para atrapalhar os adversários. Metade do desenho consistia nas falcatruas de Dick: a elaboração do plano macabro e seu respectivo fracasso; preguinhos, óleo e engenhocas destruidoras e a derrota, líquida e certa. Sempre à frente – ele sempre se adiantava dos demais –, era só manter a posição e ganhar a corrida. Mas, não! Ele queria trapacear e nunca se dava bem no final. Todos passavam e ele, por ficar perdendo tempo com seu plano infalível, acabava em último. E, além de não ter vencido sequer uma corrida em vários episódios, ele ainda tinha que aturar a risadinha sarcástica de seu cão-cúmplice.
Alias, falando do Mutley, tinha sempre um quadro em que o Mutley estava sonhando e o Dick Vigarista tentava acordá-lo: “Mutley, você não é Bungadin, nem um rei que foi coroado…” Terminava com o Mutley rindo. Era o máximo! A semelhança da personalidade do Mutley com algumas pessoas não é coincidência. Afinal, “Mutleys” são mais comuns do que se imagina.

Nenhum comentário: